Tetraplégica controla braço mecânico com o pensamento

Advertisements
Loading...

Cientistas implantaram elétrodos que leem o cérebro de Jan Scheurmann.

Os braços robóticos já podem ser controlados através do pensamento, sem qualquer outro apoio.

Jan Scheuermann, de 53 anos, foi a paciente-teste deste estudo. A mulher, paralisada do pescoço para baixo, conseguiu mover com destreza um braço mecânico, segurando objetos como se fossem movidos pela sua própria mão.

Os especialistas implantaram dois sensores no córtex cerebral de Jan de forma a puder controlar o braço. O resultado foi avaliado como «uma conquista extraordinária».

O professor da Universidade de Pittsburgh, nos Estados Unidos, Andrew Schwart explica à BBC que os neurônios comunicam entre si e que essas vibrações elétricas são traduzidas em comandos para mover o braço.

Advertisements
Loading...

A paciente recebeu um treino de 13 semanas de forma a aperfeiçoar o controlo do braço robótico, que conseguiu logo no segundo dia de experiência.

O estudo, publicado pela revista médica «The Lancet», refere que Jan adquiriu «coordenação, habilidade e velocidade quase similares às de uma pessoa sem deficiência».

O desafio agora é tentar acoplar o braço mecânico à cadeira de rodas de Jan, de forma a puder usá-lo no seu quotidiano.

Fonte: TVi 24

Advertisements
Loading...