Kit calamidade ajuda desabrigados pela chuva

Matéria 2013

Duque de Caxias (RJ) vai receber um kit calamidade e cinco mil frascos de hipoclorito de sódio para atendimento à população afetada pelas chuvas desta quinta-feira (3).

O hiplocorito é fundamental para a desinfecção da água para consumo humano. Cada kit tem capacidade para atender 500 pessoas e contém medicamentos para a atenção básica, antibióticos, hipoclorito de sódio e álcool, entre outros itens.

Segundo informou a Secretaria Estadual de Saúde, estão sendo enviados à cidade ainda 50 mil folhetos com orientações sobre proteção à saúde em caso de enchentes e alagamentos, 10 mil com procedimentos em casos de chuvas fortes, cinco mil cartilhas de dicas de prevenção a leptospirose.

Enchentes como as ocorridas em Caxias trazem para o estado outras preocupações além dos danos materiais e ambientais. Entre elas estão doenças que costumam afetar a população dessas localidades no período pós-chuvas, como a leptospirose.

Transmitida na grande maioria das vezes pela urina de ratos, a doença costuma ter alta ocorrência quando as pessoas começam a limpar suas casas e têm contato com a água e a lama contaminadas pela bactéria leptospira. Nesse momento, pode ocorrer maior concentração dessa bactéria, aumentando o risco de transmissão.

Hoje pela manhã, o secretário de Estado de Saúde, Sérgio Côrtes, determinou o envio de três kits calamidade para a Região Serrana. Os municípios de Nova Friburgo, Petrópolis e Teresópolis estão em estado de alerta por conta das chuvas.

Além disso, para facilitar e agilizar o contato para apoiar as prefeituras, que estão com equipes recém-empossadas, haverá um subsecretário e um superintendente da Secretaria de Estado de Saúde responsáveis por cada um dos municípios, que incluem, além da Região Serrana, Angra dos Reis e Duque de Caxias.

Fonte: R7.com