Doenças do frio atingem mais os diabéticos

Algumas formas de prevenção podem auxiliar quem tem diabetes a passar esta época do ano com saúde

Como clima frio, os diabéticos têm mais probabilidade de sofrer com algumas doenças típicas da estação, entre elas bronquite, pneumonia, alergias, rinites e resfriados. Isto porque o diabetes é uma doença crônica que pode diminuir a imunidade, aumentado a chance de adquirir estas enfermidades.

frio diabéticos Gripe

Cuidados com os pés no inverno

Além disso, os diabéticos também devem ter alguns cuidados com os pés no inverno.

“Se a pele dos pés ficar mais escura ou a temperatura estiver mais fria do que o normal, pode ser sinal de problemas, principalmente em pessoas com diabetes mellitus tipo 2 ou aqueles que têm diabetes tipo 1 há muito tempo e já apresentam problemas renais e vasculares”, explica a endocrinologista, Dra. Sheyla Alonso, que atua como voluntária na APAD – Associação Paranaense do Diabético. “Com estes sintomas, é aconselhável procurar um médico”, observa.

Alguns cuidados podem auxiliar os diabéticos na prevenção das doenças do frio

“Acima de tudo é necessário que o portador de diabetes tome seus remédios adequadamente e siga a dieta. Além disso, algumas precauções são bem vindas para aumentar as defesas naturais, como manter a casa e o ambiente arejados, livres de poeira e sujeira, evitar a friagem e a exposição ao frio e chuva, levando sempre o “kit inverno”, como casaco e guarda-chuva e manter uma vacinação adequada, tanto os adultos quanto as crianças”, aconselha a Dra. Sheyla.

Alimentação correta

“Outra forma de prevenção está na alimentação correta, que deve ser rica em verduras, frutas e legumes. É importante também a ingestão de bastante água para facilitar a eliminação da secreção dos pulmões”, ressalta.

Uma vez que o diabético contraia alguma das doenças, é importante que tome sua medicação adequadamente, repouse, tenha uma alimentação saudável e, caso não melhore ou sinta que seu diabetes pode estar aumentando, procure o médico.

Autor: Paula Fernanda Batista
Fonte: Win Comunicação Assessoria de Imprensa

Fonte da matéria: SIS.SAÚDE