Dieta: dois copos d’água antes das refeições

Participantes de pesquisa perderam em média 7 quilos em três meses

O ingrediente da mais nova dieta milagrosa está disponível em qualquer torneira: água.

dieta da água: 2 copos de água antes das refeiçoes

Um estudo realizado pela professora Brenda M. Davy, PhD em nutrição humana e professora da Universidade Virgina Tech, nos Estados Unidos, afirma que bastam dois copos antes das refeições para perder sete quilos em apenas três meses (média entre as pessoas que participaram da pesquisa).

A cada refeição, a economia seria de 70 a 90 calorias, chegando a quase 300 por dia.

O segredo do emagrecimento é simples: a água enche o estômago.

Com o estômago cheio, as pessoas sentem menos fome.

“As pessoas deviam beber mais água e menos refrigerantes”, disse Brenda ao jornal britânico Daily Mail.

A dieta da água é saudável?

É preciso deixar claro que beber água, além de necessidade básica, é uma indicação médica, porque é fundamental para o bom funcionamento do organismo.

Além do mais, nutricionistas e endocrinologistas indicam que é preciso ingerir ao menos dois litros de água diariamente sempre que prescrevem uma dieta aos pacientes.

Além de todos os benefícios, a água ajuda a acelerar o metabolismo.

Se a dieta da água for feita aliada a uma alimentação balanceada, ok.

De preferência, com o acompanhamento de um profissional. O problema é que tem muita gente que decide apenas não comer e passar o dia ingerindo água.

A falta de alimentação nos primeiros dias fará com que a pessoa perca peso, mas perderá principalmente nutrientes, o que trará consequências para a saúde.

Além do mais, a falta de alimentação fará com que o corpo comece a guardar energia, e em vez de perder mais peso, a balança ficará estabilizada e seu metabolismo ficará desacelerado.

Vantagens e desvantagens da dieta da água

A dieta possibilita manter o corpo hidratado. Se feita aliada a uma reeducação alimentar e com acompanhamento médico, pode ser levada para o resto da vida como um bom hábito.

Se for feita de forma alheia a uma alimentação saudável, surtirá efeitos apenas nos primeiros dias e fará a pessoa beber mais água.

Depois, poderá causar prejuízos à saúde. Desta maneira, ela não é segura.

Recomendações e dicas para quem quer fazer esta dieta

  • Beba água diariamente para que as toxinas sejam liberadas de maneira eficiente e seu corpo se mantenha hidratado;
  • Não substitua refeições apenas por água. Seu corpo precisa de nutrientes para se manter saudável.
  • Não fique muito tempo em jejum, porque isso prejudica o seu metabolismo e faz com que queime menos calorias.
  • Não se esqueça de aliar a dieta da água a uma reeducação alimentar e a hábitos saudáveis.
  • Antes de recorrer a dietas loucas da moda, avalie alternativas saudáveis e que realmente eduquem você e seu organismo a se alimentarem de forma correta. Assim, você não precisará mais ter de fazer nenhuma dieta restritiva.
  • Pessoas que têm problemas graves de saúde, doenças sérias ou que estejam se recuperando de qualquer cirurgia não podem seguir esta dieta.

Leia mais aqui